Quem sou eu

Sou uma mulher inquieta, sempre querendo aprender coisas novas. Me graduei em 1996 em Administração de Empresas, curso que escolhi porque li sobre o que era marketing em um folheto. Desde então, sou apaixonada pelo marketing que entendo como uma filosofia de trabalho: o cliente no centro de tudo!

Toda a minha carreira foi nessa direção após aquele folheto. Lembro de quando eu era estagiária no Praia de Belas Shopping, em Porto Alegre/RS, onde fui fazer o meu primeiro curso na ADVB. Era, na época, em um prédio muito antigo e perto da rodoviária da cidade. Lembro da minha sensação de guria vinda do interior “ganhando” a capital. Depois disso, muitas idas e vindas até Porto Alegre para estudar: especialização e mestrado em Marketing, Pós-MBA em Negociação, outros cursos e congressos… sempre com um pé na capital, mas com a vida em Santa Maria (para quem não sabe, é uma cidade bem no centro do Rio Grande do Sul).

Fui ficando por aqui por muitas razões, mas nunca aceitei o paradigma de que eu seria inferior por ser do interior. Tive empresas, dei aulas em cursos de graduação e pós-graduação, palestras e cursos. Com a internet, confesso que tudo ficou mais fácil. O longe ficou perto. E essa é uma das razões que me fazem amar o mundo digital e, como consequência, o marketing digital, tema que tenho me dedicado nos últimos anos.

Assim, chegamos ao “E agora, Raquel?”, o programa que apresento no YouTube, dentro do Canal de Vídeos da Taperinha, a imobiliária em que sou diretora, trabalho há 20 anos e onde coloco na prática tudo que acredito.
Com o programa, conquistei notoriedade nacional ao falar sobre as dúvidas do mercado imobiliário de uma maneira alegre, descontraída e sem perder a profundidade de conteúdo. Com ele, também ganhei o Prêmio Top de Marketing ADVB/RS na categoria de Comunicação em 2017. Uma conquista digna de Davi e Golias! Nosso concorrente era um gigante da comunicação no RS. Mas nós, uma imobiliária do interior, somos o “Davi digital” e conseguimos provar que podemos ser pequenos e gigantes ao mesmo tempo se soubermos inovar, nos questionar, não aceitar estigmas e sempre, sempre nos desafiar. Porque foi assim que nasceu o “E agora, Raquel?”: um problema que fizemos virar uma oportunidade.

Assim, com todas essas e muitas outras experiências na área imobiliária (e outras fora dela), senti a necessidade de ter algo novo, então surge este novo projeto que une as minhas paixões e meu conhecimento em marketing e mercado imobiliário. Resolvi levar para outras empresas e pessoas toda a minha expertise em marketing e gestão no mercado imobiliário. Espero que gostem do resultado e que a gente possa trabalhar juntos!

Veja um pouco mais da minha trajetória: